Thais Carla reage à política de pesagem de passageiros de companhia aérea: ‘Horrível’

Plimp Malvern
Plimp Malvern
2 Min Read

A influenciadora deu sua opinião sobre a política adotada por uma companhia neozelandesa, que faz parte de uma pesquisa

Thais Carla, de 31 anos, usou o Instagram, na última terça-feira (30), para opinar sobre uma política de pesagem de passageiros, implantada por uma companhia aérea na Nova Zelândia para voos internacionais. Segundo a Air New Zeland, a medida faz parte de uma pesquisa realizada por eles a cada cinco anos, por razões de segurança.

No vídeo, a influenciadora exibe uma notícia do Estadão sobre o assunto: “Isso [a pesagem] vai acontecer na Nova Zelândia, gente. Mas pensa o constrangimento que é para uma pessoa ir viajar e se divertir, e ainda ter que se pesar”, começou ela.

“A gente sabe que pra muita gente isso é horrível. Principalmente, para as mulheres e fica o questionamento: será que vão ter balança para todos os corpos ou só vai ter para um? Eu achei horrível isso”, opinou Thais. Em seguida, a influencer questiona um amigo e o marido se eles gostam de se pesar, ambos respondem que não.

De acordo com a companhia aérea, as balanças não mostram o peso do cliente, mas registram os dados obtidos em um aparelho não identificando a pessoa. Além disso, o comunicado da empresa afirma que o procedimento é feito também com os tripulantes e com a bagagem, para saber a melhor forma de distribuir o peso na aeronave.

A CNN também revelou que a companhia já havia feito a pesquisa em 2021 com voos de escala nacional. Porém, o estudo para voos nacionais foi interrompido devido à pandemia de Covid-19. A previsão para a retomada do teste é para o dia dois de junho com aviões saindo do aeroporto de Auckland.

Share This Article
Leave a comment